quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

D&D 30 Day Challenge - #Dia2

A resposta do dia 2 não foi tão simples, porque foi difícil escolher. Vamos lá...

#Dia 2 - Raça jogável favorita

No D&D, podemos jogar com diversas raças diferentes, e cada uma delas vai apresentar suas peculiaridades. As mais básicas são: humanos, elfos, meio-elfos, anões, halflings (hobbits), gnomos e meio-orcs. Claro, dependendo do mundo de campanha, esta variedade de raças pode ser maior ou menor. O livro do jogador da 5 edição de D&D trouxe também os dragonborn (algo que podemos descrever como homens-dragão) e os tieflings (pessoas com sangue de diabo, mas não inerentemente más; há também a contraparte, os Aasimar, pessoas com sangue celestial. Estes apareceram apenas no livro do mestre). 

As raças básicas que apareciam na edição 3.5 de D&D. Aquenda a pose sexy da meio-orc. 
Eu sempre gostei muito dos elfos... são altivos, sábios, amam a natureza, me passam aquela sensação de serem um povo... calmo (tá, vamos ignorar Feanör e o fratricídio lá no Silmarillion, etc.). Fora que, quando comecei a jogar, eles eram a bola da vez, né? Senhor dos Anéis promoveu os orelhudos. Elves, elves everywhere!


Eu gosto muito, particularmente, dos elfos do mundo de campanha em que costumamos jogar, Elgalor (falo mais sobre isso em outra postagem). Mas, embora eu AME os elfos, minha raça favorita para jogar são... 

OS MEIO-ELFOS! (LINDOOOOOS!!! PAAAALMAS!!)


O que eu mais curto nos meio-elfos (pessoas com sangue humano e élfico) é a ideia de versatilidade que eles me passam, ao mesmo tempo em que também vão ter peculiaridades raciais por conta da herança élfica. O meio-elfo diz "nem 8, nem 80". Podem ser passionais com certas coisas, prudentes e calmos com outras... claro, tudo isso vai depender do que mestre e jogadores convencionam. Por aqui gostamos de caracterizar bem as raças "não-humanas" para diferenciá-las e dar um tempero a mais ao mundo de campanha. As minhas personagens que mais gostei foram meio-elfas; é a raça que consigo interpretar melhor, que mais se encaixa com meu jeito de jogar. Mas também amo jogar com elfos e já fiz muitas humanas. A minha última personagem em Elgalor foi uma humana e foi uma das minhas favoritas. Pretendo, agora, fazer minha segunda halfling (a primeira morreu tragicamente). Vamos ver como me saio... 

Mas é isso aí, meio-elfos comandam. Não à toa, quando fui escrever meu primeiro romance, definindo toda a história do mundo e a mitologia, fiz com que os meio-elfos fossem bem especiais e importantes. Um dos personagens principais é um meio-elfo. É o Laucian. Olha ele aqui: 

Ilustração da Angela Takagui, amiga talentosa e jogadora com especial apreço por bárbaras meio-orc. 

E vocês, que raças preferem? COMPARTILHEM VOSSOS GOSTOS. 

P.S. Deixo aqui registrado meu rancor para com o Tanis de Dragonlance. Ele é responsável por deixar as pessoas com aquela impressão de que meio-elfos são todos cubos gelatinosos que só sabem choramingar e nunca conseguem se decidir por nada. Pô, o cara não sabe nem de quem gosta direito! É, Tanis, eu sei. EU NÃO GOSTO DE VOCÊ. Hunf. 

P.S. 2 Aqui falei em termos interpretativos. Não estou considerando as vantagens e desvantagens estatísticas de cada raça. Isso geralmente não me influencia na escolha de raças e classes.

Elrond, mostrando que meio-elfos são legais. 
Até mais, leitores lendários!

4 comentários:

  1. Gosto muito de elfos no dos guerreiros noldor de O Silmarillion, mas meu voto aqui vai para os anões. Sérios, mal-humorados, honrados e com uma forte cultura guerreira, são muito divertidos para mim, e portanto, meus favoritos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Suas interpretações de anões são lendárias, Odin. Gosto quando você os faz. Geralmente eu acho que o pessoal leva os anões para o lado da grosseria, e você consegue deixá-los rabugentos sem precisar apelar para a pura chatice. Muito legal :)

      Excluir
  2. Resposta para o desafio do dia 2:

    HALF-ELVES RULE!!!!

    Beijos da Amanda^^

    ResponderExcluir

Olá, comentários são sempre bem vindos! No entanto, postagens com linguajar muito chulo, caráter ofensivo ou preconceituoso (e todas estas coisas que pessoas adultas são plenamente capazes de evitar) serão apagadas. Trolls, só na mesa de jogo. Obrigada :).